Dominar sem marcar em resultado negativo

 

D50_3638 D50_3952 D50_3929 D50_3919 D50_3903 D50_3840 D50_3729
<
>

O Rio Ave FC voltou a conseguir 70 % de posse de bola, mais remates enquadrados com a baliza adversária e maior pendor atacante… mas sem concretizar.

O guarda-redes adversário realizou uma defesa de grau elevado de dificuldade, com Barreto a enviar a bola à trave na recarga. Depois coube a Novais a obrigar Douglas a defesa exuberante num remate forte. estou também Tarantini, de cabeça, mas à figura do guardião vitoriano e mais umas quantas outras oportunidades onde o destino da bola não foi o melhor.

Até aos 65 minutos o Vitória SC tinha 1 único remate enquadrado com a nossa baliza… e foi o golo.

Heldon foi o autor do Vitória e deu o mote à equipa de Guimarães para abdicar por completo de atacar a não ser em tentativa de contra-ataque, procurando a profundidade da nossa defesa.

Sem conseguir concretizar e com uma primeira parte menos conseguida o resultado final premeia a eficácia da equipa que menos jogou.