Sub-23: Garra rioavista aquece campo gélido

O Rio Ave FC venceu o Gil Vicente por 2-1.

Numa partida imprópria para cardíacos foi o Rio Ave FC, quem na primeira metade se adiantou no marcador por Figo. A vencer, os rioavistas até podiam ter aumentado a vantagem mas chegaram ao final da primeira parte com apenas uma oportunidade concretizada.
O Rio Ave FC teve uma entrada fulgurante, com Luís Pinto a marcar. Numa grande jogada coletiva, o atacante rioavista mostrou toda a sua classe ao finalizar o lance. À passagem do minuto 53′ o nosso guarda-redes, Vasco Baptista, foi expulso e os vilacondenses passaram a jogar com 10. Mesmo em inferioridade numérica, o Rio Ave FC mostrou toda a sua coesão defensiva. O único golo do adversário foi um remate indefensável para o nosso guardião Tiago Coelho.
Até ao final, o adversário procurou marcar e o Rio Ave FC soube sofrer. A partida terminou com a vitória por 2-1 do Rio Ave FC.

11 INICIAL: Vasco Baptista, Diogo Ribeiro, Kristofer Kait, Diogo Morgado, Rui André, Pedro Ribeiro, Tomás Fonseca, Fodelcio Pereira, Luís Pinto, João Teixeira e Fábio Ferreira.

Substituições: Saida Tomás Fonseca entrada de Tiago Coelho (53′), Saída de Fábio Ferreira entrada de Marko Brkic (60′), Saída de Luís Pinto e Rui André entrada de Jorge Barreto e Diogo Silva (78′)

Suplentes: Lucas Moreira, Guilherme Coelho, Afonso Lemos, Afonso Gama e Simão Jota.