Menu

Estádio do Rio Ave Futebol Clube
Rua Dom Sancho I
4480-876 Vila do Conde

Telefone Geral
252 640 590

Rio Ave Store Estádio
Morada:
Rua D.Sancho I – Estádio do Rio Ave Futebol Clube
Horário:
9h30 às 12h30 e das 15h às 19h (terça feira a sexta feira)
10h à 13h e das 15h às 18h30 (sábado)

E-mail:
[email protected]

Sub-23: Vitória foge nos minutos finais

Empate a uma bola em Vila do Conde, num jogo onde o Rio Ave FC esteve a vencer e a jogar com mais um jogador, mas o SC Braga chegou ao empate nos minutos finais. Fica a sensação amarga de um jogo em que o Rio Ave FC tinha tudo para sair com os três pontos.

O Rio Ave FC apresentou-se com três alterações em relação ao último jogo em Alcochete. Costinha (ausente na seleção), Rúben Gonçalves e Schutte saíram do onze inicial para dar lugar a João Pedro, Martim e Saïd respectivamente.

A primeira parte do desafio mostrou um equilíbrio entre as duas equipas que mostraram que vieram para este encontro com a lição bem estudada. O intervalo chegava com o nulo no marcador.

Na segunda parte, o Rio Ave FC entra melhor e acaba por chegar ao golo por intermédio de Saïd, que estreou-se no equipa e logo com um golo. O SC Braga tentava reagir mas viu-se reduzido a dez elementos, à passagem do minuto 69, por duplo amarelo a Rodrigo Lima.

Com o Rio Ave FC a controlar o desafio, o árbitro da partida viu uma eventual falta de João Pedro na área e aponta para a marca de grande penalidade. Manuel Namora na marca do penalti não falhou e colocou a resultado final em 1-1.

Sensação amarga para o Rio Ave FC, que acabou por ser a melhor equipa em campo mas que não conseguiu segurar a vitória. Na próxima jornada, o Rio Ave FC desloca-se ao Seixal, para defrontar o SL Benfica.

FICHA DE JOGO:

Carlos Alves, João Pedro, Kelechi John, Diogo Bianchi (José Postiga, 90´), Tiago André, Martim Maia, André Silva (Rúben Gonçalves, 81´), Vitó (cap.), Ahmed Said (André Schutte, 72´), Diogo Teixeira (Ricardinho, 81´) e Jaime Pinto.
Suplentes não utilizados: Vítor Luz, Nuno Namora, Filipe Almeida, Hélder Sousa, Landry Manga e José Domingos.
Treinador: Pedro Cunha.
Disciplina: Caretão amarelo para Vitó (90+2´).

Golos: 1-0 Ahmed Saïd (49´); 1-1 Manuel Namora (87´)