Épico desfecho de um guião colectivo

Memorável a explosão de alegria à beira de um final apoteótico no regresso às vitórias do Rio Ave FC, em sua casa.

O estádio compôs-se, mesmo desafiando a chuva, e assistiu a um filme de boa memória com guião escrito por um colectivo forte, unido e empenhado, que se dedicou em pleno a uma trilha de domínio verde e branco absoluto, face à incapacidade do Casa Pia para contrariar o desfecho.

No quadro de momentos do jogo, superiorizam-se em larga escala as oportunidades e lances de perigo criados pelo Rio Ave FC.

Com Úmaro Embaló a estrear-se no onze titular, no lugar habitual de Fábio Ronaldo, que surgiu agora como avançado, os rioavistas foram muito mais acutilantes que o adversário na primeira metade, gorando-se algumas oportunidades.

A primeira de maior nota acontece aos 32 minutos. Úmaro driblou pela esquerda, levantou com o pé direito e Teixeira apareceu isolado mas tarde para o desvio na cara do guardião Ricardo Baptista.

Apenas um minuto depois, novamente Úmaro, repetindo o movimento, viu agora Aziz, de cabeça, testar Ricardo que voou para evitar o golo vilacondense.

Depois de Teixeira cair na área aos 38 minutos, o Rio Ave FC ainda viu Costinha rematar forte mas ao lado da baliza casapiana.

Do adversário regista-se apenas um remate em arco, à entrada da área, que passou acima do travessão de Jhonatan.

O intervalo não mudou a tendência e o Rio Ave FC reentrou para 20 minutos de enorme vertigem sobre a área visitante. Somaram-se as aproximações perigosas mas o Casa Pia foi mais forte a defender.

Sacudida a pressão inicial do segundo tempo, o Casa Pia testou ainda Jhonatan com um remate rasteiro em boa posição, mas foi novamente o Rio Ave FC a controlar as ocorrências até final da partida, cozinhando um domínio praticamente perfeito até ao apoteótico aplauso quando, aos 88 minutos, Aziz atirou de pé direito para um grande golo que colocou os rioavistas finalmente na tão merecida vantagem.

Grande jogo do Rio Ave FC. Seguro, confiante, organizado mas, acima de tudo, vitorioso.

Na próxima sexta-feira joga-se a 22ª jornada do campeonato, em Famalicão.

Jogo no Estádio do Rio Ave FC, em Vila do Conde
Árbitro: Carlos Macedo
Ao intervalo: 0-0
Marcador: Aziz (88)
Acção disciplinar: cartão amarelo a Neto (13), João Teixeira (38), Clayton (86) e Lameiras (90+4).

Rio Ave FC 1
Jhonatan, Costinha, Josué, Santos, Miguel Nóbrega, Úmaro Embaló, Amine, João Graça, João Teixeira, Fábio Ronaldo e Aziz
Substituições: João Teixeira por Ruiz (70), Costinha por Vrousai (80), Úmaro Embaló por Zé Manuel (81) e Aziz por Joca (90).
Suplentes não utilizados: Miszta, Patrick William, Tanlongo, Vitor Gomes e Adrien Silva.
Treinador: Luís Freire

Casa Pia AC 0
Ricardo, Larrazabal, Fernando, Tchamba, Lelo, Beni, Neto, Samuel Justo, Nuno Moreira, Soma e Clayton
Substituições: Beni por Rafael Brito (60), Samuel Justo por André (76), Nuno Moreira por Tiago Dias (76), Lelo por Lameiras (89) e Neto por Pablo Roberto (90).
Suplentes não utilizados: Lucas Paes, João Nunes, Geraldes e Zolotic.
Treinador: Pedro Moreira